10ª Edição do Prêmio traz benefícios desde a inscrição

Com o mote Educação Integral: Crer e Fazer, o Prêmio Itaú-Unicef realiza este ano sua 10ª Edição. Premiações em dinheiro, visibilidade nacional e regional são alguns dos itens que as organizações podem receber ao final do processo de premiação. Porém, o que muitos não sabem é que os benefícios às organizações são recebidos desde o princípio, quando é feita a inscrição do projeto no Prêmio Itaú-Unicef. Veja quais são:

rede

Rede nacional: mais de 7 mil organizações

Ao inscrever o projeto na 10ª Edição do Prêmio, a organização passa a fazer parte de uma rede que reúne mais de 7 mil organizações em todo o País. Por meio dessa rede, as organizações trocam experiências umas com as outras e recebem conteúdos exclusivos sobre temas e ações relacionados à Educação e à Proteção Social.

 

 

percursos da educacao integral

 

Publicações

A partir do momento que é feita a inscrição, a organização recebe a publicação impressa “Percursos da Educação Integral – em busca da qualidade e da equidade”, que retrata a experiência dessa política pública em 20 municípios do Brasil.

 

 

 

8100100381_0b99d4175a_z

 

Formação

Há anos o Prêmio investe na formação de educadores e gestores de organizações da sociedade civil que trabalham com crianças e adolescentes. Os cursos presenciais e online, cuja temática está relacionada às necessidades e demandas das organizações que fazem parte da rede do Prêmio, serão iniciados no segundo semestre deste ano. Para participar, basta fazer a inscrição do seu projeto.

Mais sobre o Prêmio – O Prêmio Itaú-Unicef nasceu em 1995 a partir de um contexto de mudanças sociais, com a promulgação da Constituição de 1988, a realização da Conferência de Jomtien, na qual foi aprovada a Declaração Mundial sobre Educação para Todos, e a instituição do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). Desde então, o Prêmio tem atuado no intuito de mobilizar, inovar, induzir e dar visibilidade ao trabalho de organizações da sociedade civil sem fins lucrativos que, em articulação com políticas públicas, realizam ações socioeducativas e contribuem para a Educação Integral das crianças e dos adolescentes.

Faça um comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Total de 0 comentário(s)