AC Eventos
- Thais Iervolino - Políticas de Educação Integral

Debate virtual conta com participação do secretário municipal de Educação de São Paulo

Participantes

Quais os principais desafios do sistema de ensino e das escolas para implementar uma política de educação integral? Buscando refletir sobre essa e outras questões em relação ao conceito e fundamentos da educação integral, foi realizado nesta quinta-feira (22), às 10h, o Debate Virtual: Escola e Educação Integral.

Se você não conseguiu acompanhar o debate, assista à gravação abaixo:

O evento contou com a participação do atual secretário municipal de Educação de São Paulo, Alexandre Schneider, e de especialistas em educação integral. Conheça mais sobre os participantes a seguir.

Debatedor: Alexandre Schneider
Mestre em Administração Pública pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), Alexandre é o atual secretário municipal de Educação de São Paulo, cargo que já ocupou entre 2006 e 2012. Na ocasião, implantou o currículo e o sistema de avaliação externa, ampliou o tempo dos alunos do Ensino Fundamental na escola de 4 para 5 horas diárias, criou 300 mil vagas em educação integral, e implantou políticas educação inclusiva e de sustentabilidade na rede municipal.

Também tem experiência como gerente de Políticas Públicas da Fundação Abrinq pelos Direitos da Criança.


Debatedora: Lúcia Velloso Maurício
Doutora em Educação (2001) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), com pós-doutorado pela Universidade Complutense de Madri e Universidade Estadual do Ceará (Uece), Lúcia tem experiência na área de Educação, com ênfase em escola pública de Ensino Fundamental, atuando principalmente com os seguintes temas: escola pública de tempo integral; ampliação da jornada escolar; Ciep; formação de professores; avaliação institucional; representações sociais; e Darcy Ribeiro. 

Atualmente é conselheira da Fundação Darcy Ribeiro e professora associada da Faculdade de Formação de Professores da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (FFP-Uerj).


Mediador: Romualdo Luiz Portela de Oliveira
Possui graduação em Matemática-Licenciatura (1982), mestrado em Educação (1990), doutorado em Educação (1995) e livre-docência (2006), todos realizados na Universidade de São Paulo (USP). Atualmente é professor titular no Departamento de Administração Escolar e Economia da Educação, da Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo (FE-USP). Tem experiência na área de Educação, com ênfase em política educacional, atuando principalmente nos seguintes temas: políticas educacionais; financiamento da educação; avaliação educacional; administração escolar; e direito à educação.

Serviços

Início: 22/06/2017

Fim: 22/06/2017

Horário: às 10 h (horário de Brasília)

TagsAlexandre Schneider, conceito, educação integral, escola, políticas de educação integral

Que tal deixar um comentário?

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *