Jovens Urbanos prorroga inscrições em duas organizações

A Associação Sócio Cultural Madre Teresa de Jesus e a Associação dos Moradores do Alto da Vila Brasilândia (AMAVB), ambas situadas na Brasilândia, em São Paulo, ampliaram o prazo de inscrições de jovens que queiram participar da 9ª Edição do Programa Jovens Urbanos.

O prazo dos interessados em se inscreverem no Jovens Urbanos por meio da Associação Sócio Cultural Madre Teresa de Jesus é até dia 16 de maio. Já os que queiram participar do Programa através da Associação dos Moradores do Alto da Vila Brasilândia (AMAVB) têm até dia 30 de maio para fazerem sua inscrição.

 Como se inscrever?

A inscrição no Programa Jovens Urbanos é gratuita e para realizá-la basta se dirigir a uma dessas instituições executoras. Veja abaixo o endereço de cada organização:

Associação Sócio Cultural Madre Teresa de Jesus
Passagem Rafael Arino, 68 – Jardim Elisa Maria
Telefone: 3983-4278

Associação dos Moradores do Alto da Vila Brasilândia (AMAVB)
Rua Ignácio Leopoldo de Camargo, 47 – Vila Brasilândia
Telefone: 98436-0333

 Quem pode participar?

Para participar é preciso ter entre 15 e 20 anos, morar próximo às organizações e ter interesse em participar de atividades semanais, que vão até dezembro de 2014.

 

 O que é o Programa?

O Programa Jovens Urbanos é um projeto que surge em 2004 com iniciativa da Fundação Itaú Social e coordenação técnica do Cenpec, realizado em parceria com instituições sociais localizadas em territórios de intervenção do Programa, por meio de ações para juventude que promovam seu desenvolvimento integral.

Dessa forma, o Programa entende que é fundamental os jovens terem novas experiências nos campos cultural, econômico e comunitário, por meio da circulação e apropriação de espaços e equipamentos disponíveis nos seus territórios e na cidade; do acesso e apropriação de novas tecnologias; do desenvolvimento da sua expressão e participação na comunidade.

 Como o Programa funciona?

Nessa 9ª edição, o Programa será executado por 10 instituições localizadas nos distritos da Brasilândia e do Capão Redondo, e distritos vizinhos.

As atividades acontecem 2 dias por semana e são conduzidas por um educador de referência, podendo acontecer no espaço da instituição ou em diferentes espaços do bairro e da cidade. O percurso formativo inclui explorações na cidade; realização de oficinas de curta duração – as experimentações -, conduzidas por profissionais especialistas em diversas linguagens como dança, fotografia, graffiti, meio ambiente, moda, música, teatro, vídeo, entre muitas outras; e a formulação e implementação de um projeto de intervenção no seu bairro.

O Programa conta ainda com uma ampla rede de parceiros que contribuem para a formação juvenil, seja por meio da cessão de seus espaços, ou através do desenvolvimento de ações pedagógicas. São parceiros do Programa: Canal Futura, Centro Cultural da Juventude, Centro Paula Souza/ ETEC, Centro Ruth Cardoso, Centro Universitário Maria Antônia, Fábrica de Cultura do Capão Redondo e Instituto Paulo Montenegro.

 

Faça um comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Total de 0 comentário(s)