Jovens Urbanos visitam organizações e coletivos culturais durante Semana Expressão Jovem

Foram até domingo (15) as atividades da Semana Expressão Jovem dessa 8ª edição do Programa Jovens Urbanos. Este ano, a ação promoveu a circulação dos jovens por coletivos e organizações culturais de suas comunidades, tendo como objetivo final fortalecer os territórios de atuação do programa (Brasilândia e Capão Redondo).
O Portal Cenpec acompanhou na quinta (12) o bate-papo dos jovens com o idealizador da TV Doc Capão, André Luiz, na ONG Casa José Coltro, no Capão Redondo. A TV, cuja programação é veiculada no YouTube, tem como proposta “dar voz à comunidade”, mostrando atividades culturais e projetos sociais desenvolvidos na região, “em contraponto com o estereótipo padrão apresentado e conhecido de todos referente a comunidade local”, conforme informa a página da iniciativa no Facebook.
André falou aos jovens sobre o processo de criação da tevê, suas motivações, as dificuldades e desafios. “A gente entende que os problemas com a juventude existem porque o jovem não tem como se expressar”, afirmou. Em seguida, conheceram o projeto Ao Pé da Letra, desenvolvido na ONG e voltado para formação de jovens para produção audiovisual. “A ideia é que os jovens formados sejam agregados à equipe do TV Doc”, explicou.
Por fim, André guiou o grupo até sua casa, onde foi montado o estúdio da tevê, localizada a poucos quarteirões dali. O caminho é tortuoso: é preciso caminhar cerca de 300 metros pela Rua Pedro José da Silva, virar à direita, subir uma escada íngreme e de degraus irregulares. O estúdio, ainda em construção, está sendo instalado na laje da casa onde mora com os pais e os irmãos. Uma outra escadinha, de ferro estreita, em caracol, leva ao primeiro andar. André contou que o cômodo onde são realizadas as gravações foi pensado originalmente para ser o quarto de sua irmã. “Quando começamos a gravar aqui, não tinha nem janela; um tecido de EVA cobria o buraco”, lembrou.
Foto: Cenpec
Foto: Cenpec

André reconheceu as deficiências técnicas da produção da TV Doc Capão, mas salientou que a qualidade dos programas vem crescendo, embora eles não tenham a intenção de atingir um nível profissional. “A ideia não é ter vídeos muitos elaborados, porque o jovem tem que olhar e achar que é possível ele fazer também na sua comunidade”, explicou.

Semana Expressão Jovem
A programação da Semana foi definida a partir de um mapeamento prévio dos territórios, organizada pela equipe do Programa em parceria com os educadores e consultores locais.
As atividades contemplaram diferentes linguagens (artes visuais, dança, literatura, comunicação, circo etc) e incluíram desde saraus, apresentações musicais, visitas a experiência de economia solidária, trilha no Parque da Cantareira, entre outras.
“A ideia é que os jovens que já passaram pelas experimentações e estão no momento de elaboração de projetos de intervenção local conheçam essas ações que já são desenvolvidas no território e possam estabelecer articulações”, explica Fernanda de Andrade, que integra a equipe do programa.Fonte: Cenpec

Faça um comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Total de 0 comentário(s)