Notícias - João Marinho - Prêmio Itaú-Unicef

Por que se inscrever no Prêmio Itaú-Unicef

Organizações da sociedade civil que desenvolvem ações socioeducativas em parceria com escolas públicas têm até o dia 17 para se inscrever na 12ª edição do Prêmio Itaú-Unicef. Confira os benefícios de participar!  

Joul Matéria Rima (de boné), com participantes da ação parceira vencedora nacional na 11ª edição do Prêmio Itaú-Unicef. Clique para ampliar. Foto: Jonathas Magalhães.
Joul Matéria Rima (de boné), com participantes da ação parceira. Clique para ampliar. Foto: Jonathas Magalhães.

“Participamos do Prêmio Itaú-Unicef em 2015 por causa do formato da edição: tudo tinha muito a nossa cara, o que fazíamos estava lá. Era preciso apenas detalhar as ações, falar da gente, das parcerias, do amor que imprimimos em cada detalhe”, conta Jodson do Nascimento Silva, o Joul Matéria Rima, artista, MC e fundador do projeto Matéria Rima, de Diadema (SP).

Nascido em 2002, o Matéria Rima surgiu de uma articulação entre a cultura hip hop e o currículo escolar. A ação da Associação Assistencial e Cultural Manos de Paz foi inspirada nas dificuldades de aprendizagem do próprio fundador. Com o tempo, o encantamento e o potencial que Joul encontrou na união do hip hop com a educação integral fizeram com que ele retomasse o gosto pelos estudos e lhe devolveram a autoestima.

Em parceria com a Escola Municipal Sagrado Coração de Jesus, a Manos de Paz concorreu com o Matéria Rima na 11ª edição do Prêmio. O projeto consagrou-se vencedor nacional na categoria Pequeno porte.

Última semana de inscrição

Falta menos de 1 semana para o término das inscrições. As organizações da sociedade civil (OSCs) que, como a Manos de Paz, têm parcerias com escolas públicas visando à educação integral podem inscrever suas ações na 12ª edição do Prêmio Itaú-Unicef e concorrer a até R$ 260 mil no total, sendo R$ 130 mil para a OSC e R$ 130 mil para a escola.

“No que diz respeito a valores, o Prêmio contribui para expandir as ações e melhorar o projeto e o ambiente escolar”, diz Joul. Em 2013, graças à prefeitura e à Secretaria de Educação de Diadema, o Matéria Rima foi apresentado a diretores, coordenadores e professores da rede e teve a oportunidade de iniciar as ações nas escolas.


Fique atento

Cada OSC e cada escola pública da ação parceira receberá:

  • nas parcerias finalistas, selecionadas após a análise que se segue ao processo de inscrição – R$ 10 mil;
  • nas parcerias premiadas regionais, sendo 32 (4 por regional) – R$ 20 mil;
  • nas parcerias premiadas nacionais, sendo 4 (uma por porte – micro, pequeno, médio e grande) – R$ 100 mil.

“Em 2017, no início do ano letivo, concluímos as vivências socioculturais (workshow) para a comunidade escolar. No mês de abril, iniciamos a oficina de danças urbanas para 64 alunos do Ensino Fundamental e realizamos reunião de pais e responsáveis com formação cultural. Também estamos desenvolvendo o projeto No Ritmo da Aula”, atualiza o artista, cuja equipe atualmente oferece atividades de dança, rima e discotecagem para cerca de 960 crianças, adolescentes e jovens em Diadema – mais de 60 apenas na Escola Sagrado Coração.

Com o mote Educação integral: parcerias em construção, a 12ª edição do Prêmio Itaú-Unicef terá suas inscrições encerradas no dia 17 de maio, às 23h59. O objetivo é identificar, reconhecer, dar visibilidade e estimular parcerias entre OSCs e escolas públicas para ações socioeducativas. As parcerias devem ter, pelo menos, 1 ano de existência e contribuir com o desenvolvimento integral de crianças, adolescentes e jovens em condições de vulnerabilidade social.

A plataforma Educação&Participação publicou um passo a passo para ajudar no preenchimento da ficha de inscrição.


Saiba mais sobre a 12ª edição e faça sua inscrição!


Participar e qualificar

Crianças, adolescentes e jovens em atividade do Matéria Rima, que une cultura hip hop e educação integral. O projeto foi vencedor nacional na 11ª edição do Prêmio Itaú-Unicef. Clique para ampliar. Foto: Jonathas Magalhães.
Crianças, adolescentes e jovens em atividade do Matéria Rima, que une cultura hip hop e educação integral. Clique para ampliar. Foto: Jonathas Magalhães.

O aporte financeiro, no entanto, não é o único benefício de participar do Prêmio Itaú-Unicef.

Nos anos pares, por exemplo, as parcerias regionais premiadas contam com estratégias de formação relacionadas aos temas da infância, adolescência e educação integral. É a Assessoria às Organizações e Escolas Parceiras.

Mesmo o ato da inscrição já contribui para o diálogo, a reflexão e o aprofundamento. “Inscrever um projeto para o Prêmio é uma oportunidade de refletirmos sobre as nossas práticas, um momento de encarar os desafios, pensar sobre eles e buscar soluções. Além disso, esse momento nos propiciou o amadurecimento e o fortalecimento das parcerias: o Prêmio nos deu um norte, lançou luz em uma série de dúvidas que ainda tínhamos, nos ajudou a avaliar, nos ensinou a sermos avaliados”, diz Joul.

Para o artista e educador, o Prêmio Itaú-Unicef “é importante porque reconhece projetos que, em parceria com as escolas públicas, contribuem para o ensino e a aprendizagem de crianças, adolescentes e jovens. Com isso, incentiva as ações socioeducativas que ampliam as oportunidades educativas e ajuda a replicar essa boas práticas em todo Brasil.”


Por que uma ação parceira deve participar do Prêmio Itaú-Unicef?

“A participação no Prêmio dá às OSCs a oportunidade de olhar para si mesmas e se reconhecerem parceiras das escolas. É um período de leituras, análises e de aprofundar diálogos. No que diz respeito a valores, o Prêmio contribui para expandir as ações e melhorar o projeto e o ambiente escolar. Ajuda muito a levantar a autoestima dos atores educativos e, principalmente, das crianças envolvidas. Mesmo as organizações que não saem vencedoras ganham em conhecimento, experiência e amadurecimento.” (Joul, do Matéria Rima)


Mais informações

  • Acesse o regulamento.
  • Veja o modelo da ficha e prepare antes os documentos e as informações que serão pedidos.
  • Ainda ficou com dúvidas? Veja quais são as perguntas mais frequentes no FAQ da 12ª edição do Prêmio.

 

Tagseducação integral, escola pública, inscrição, OSC, parceria, premiação, Prêmio Itaú-Unicef

Faça um comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Total de 0 comentário(s)