Notícias - Thais Iervolino - Prêmio Itaú-Unicef

Prêmio Itaú-Unicef: 32 projetos de todo o Brasil concorrem à premiação nacional

Faltando menos de um mês para a premiação nacional da 11ª edição do Prêmio Itaú-Unicef, cuja cerimônia acontecerá dia 26 de novembro, no Auditório do Ibirapuera, em São Paulo, o Educação&Participação apresenta os 32 projetos vencedores regionais.

De acordo com Nazira Arbache, do Cenpec e responsável pela coordenação técnica do Prêmio Itaú-Unicef, todas essas iniciativas passaram por um longo e aprofundado processo de avaliação do Prêmio, que contou com a participação de diversos especialistas em educação integral, e aguardam a etapa final de premiação.

O processo de avaliação dos projetos inscritos na 11ª edição do Prêmio percorreu todo o ano. Tivemos muitos profissionais envolvidos: avaliadores indicados pelos parceiros da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), do Colegiado Nacional de Gestores Municipais de Assistência Social (Congemas), do Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) e do Canal Futura; das  universidades; assim como gerentes do banco Itaú, que constituíram os comitês técnicos regionais. Foi um trabalho fundamentado nos critérios propostos para esta edição, uma análise minuciosa da parceria OSC-escola pública no desenvolvimento de projetos socioeducativos, possibilitando a identificação de ações que podem ser replicadas Brasil afora, explica.

De acordo com ela, a culminância de todo o processo de avaliação se deu no encontro da Comissão Julgadora, que definiu quais destes 32 projetos serão os vencedores nacionais da 11ª edição do Prêmio Itaú-Unicef.

O encontro foi realizado no dia 29 de outubro, e o  resultado será divulgado na cerimônia de premiação. Enquanto isso, as redes sociais do Prêmio Itaú-Unicef (Facebook e Twitter), assim como a página da plataforma Educação&Participação no Facebook, divulgam diariamente informações sobre os 32 projetos.

Conheça cada um deles, de acordo com suas regionais:

Regional Belém:
Microporte: Aluno Repórter – A Imprensa na Escola Rádio e TV
Pequeno porte: Tupizitinhos
Médio porte: Curumins da Amazônia II: Protagonizando Vidas com Educação e Arte
Grande porte: Cidade de Irupé

Regional Belo Horizonte:
Microporte: Nossa História no Museu e na Fotografia
Pequeno porte: Projeto Semear
Médio porte: Eu, Você e a Escola, Educação que Transforma
Grande porte: Projeto Vida

Regional Curitiba:
Microporte: Projeto Socioeducativo Atleta Bom de Nota
Pequeno porte: Projeto Estrelas do Mar
Médio porte: Palco Escola
Grande porte: Projeto Morro da Cruz para a Vida

Regional Goiânia
Microporte: Arte e Movimento. Arte de Expressar, de Falar e de Proteger. Transformando Seu Ser
Pequeno porte: Batucadeiros
Médio porte: Arte, Circo e Cidadania
Grande porte: Educação Cidadã: Rompendo Paradigmas e Construindo Saberes

Regional Recife
Microporte: Humanizarte: Arte, Cultura e Cidadania
Pequeno porte: Diversidade Cultural de Ponto a Ponto
Médio porte: Ecomuseu de Maranguape e Escola Municipal José de Moura na Educação Integral da Comunidade Local
Grande porte: Cantos e Encantos da Cidadania

Regional Ribeirão Preto
Microporte: Ação Criança – Artes Integradas na Promoção dos Direitos da Criança e do Adolescente
Pequeno porte: Estação Vida e Arte
Médio porte: Projeto Alvorada
Grande porte: Projeto AtuAção

Regional Rio de Janeiro
Microporte: Aprender Faz Bem
Pequeno porte: Gente é pra Brilhar
Médio porte: Casa Escola
Grande porte: #integr@ção

Regional São Paulo
Microporte: Matéria Rima
Pequeno porte: Projeto Fazendo Arte
Médio porte: Preservando a Vida
Grande porte: Entre o Sonho e a Realidade

 

Premiação

Cada uma das organizações da sociedade civil (OSCs) e das escolas públicas parceiras responsáveis pelos quatro projetos vencedores nacionais receberá, além do prêmio referente à premiação regional no valor de R$ 25 mil reais, um prêmio no valor de R$ 100 mil reais. A OSC e a escola responsáveis pelo projeto grande vencedor nacional receberão, cada uma, além do prêmio referente à premiação regional no valor de R$ 25 mil reais, um prêmio no valor de R$ 250 mil reais.

As OSCs deverão destinar o prêmio em dinheiro exclusivamente para a manutenção ou a ampliação do projeto, e as escolas, para o fortalecimento e a ampliação das ações de educação integral.

> Leia aqui o regulamento do Prêmio;

> Consulte o cronograma das próximas ações desta edição. 

 

Sobre o Prêmio

Com o tema Educação integral: aprendizagem que transforma, a 11ª edição do Prêmio Itaú-Unicef teve 1.947 projetos inscritos em todo o Brasil.

O Prêmio é uma iniciativa da Fundação Itaú Social e do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), com coordenação técnica do Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (Cenpec).

Foi criado em 1995 e, ao longo desses 20 anos, vem reconhecendo projetos socioeducativos que, articulados com escolas públicas, são voltados ao desenvolvimento integral de crianças, adolescentes e jovens.

Tagseducação integral, escola, mobilizacao, organização, OSC, premiação

Faça um comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Total de 1 comentário(s)

  •    José Edílson Moura  em 
         Prêmio respondeu em