Notícias - Thais Iervolino - Prêmio Itaú-Unicef

Prêmio Itaú-Unicef anuncia projetos vencedores regionais do Sul

Foram divulgados na sexta-feira (9) os vencedores da Regional Curitiba, que abrange os projetos do Sul do País inscritos na 11ª edição do Prêmio Itaú-Unicef. São eles: Projeto Morro da Cruz para a Vida, categoria grande porte; Palco Escola, médio porte; Projeto Estrelas do Mar, pequeno porte; e Projeto Socioeducativo Atleta Bom de Nota, microporte.

O anúncio foi feito durante a cerimônia de premiação que aconteceu na capital paranaense e contou com a participação de representantes da Fundação Itaú Social, do Unicef e do Cenpec.

>> Conheça os projetos vencedores desta regional:

Microporte: Projeto Socioeducativo Atleta Bom de Nota
Parceria:
Instituto Socioeducativo Atleta Bom de Nota e Escola Municipal (EM) José Brunetti Gugelmin
Informações: Treinamento de futebol, passeios culturais e gincanas, reforço escolar e fortalecimento da convivência familiar e comunitária são algumas das atividades oferecidas pelo projeto, que atende 142 crianças e adolescentes de 6 a 18 anos. Saiba mais sobre o projeto, clique aqui.

Clique na foto para acessar a galeria de imagens do projeto. Foto: Lores Carneiro.
Clique na imagem para acessar a galeria do Projeto Socioeducativo Atleta Bom de Nota no Flickr. Foto: Lores Carneiro.

 

Pequeno porte: Projeto Estrelas do Mar
Parceria:
Instituto Ilhas do Brasil e Escola de Educação Fundamental (EEF) Severo Honorato da Costa
Informações: É a partir do planejamento conjunto que a organização e a escola viabilizam a parceria para a educação integral, alinhando propostas com reuniões periódicas para planejamento e avaliação das ações. Com atividades trabalhadas transversalmente, são oferecidas oficinas de teatro e habilidades sociais, filosofia, brinquedoteca e biblioteca, robótica, música e vivências educativas, a partir de visitas a espaços sustentáveis, museus, eventos, mostras e festivais de arte e cultura. Saiba mais sobre o projeto, clique aqui.

estreladomar1
Clique na imagem para acessar a galeria do Projeto Estrelas do Mar no Flickr. Foto: Naila Andrade.

 

Médio porte: Palco Escola
Parceria:
Palco Escola – Associação Artística de Educação Informal e Colégio Estadual Dr. Xavier da Silva
Informações: É por meio do teatro que o projeto garante a 101 crianças e adolescentes de 8 a 18 anos o acesso a bens culturais, despertando um novo olhar e uma nova possibilidade diante de suas realidades. Saiba mais sobre o projeto, clique aqui.

Clique na foto para acessar a galeria de imagens do projeto. Foto: UV Studio Fotográfico / Eduardo Camargo
Clique na imagem para acessar a galeria do Palco Escola no Flickr. Foto: UV Studio Fotográfico/Eduardo Camargo.

 

Grande porte: Projeto Morro da Cruz para a Vida
Parceria:
Instituto Leonardo Murialdo e Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef) Morro da Cruz
Informações: O projeto atende 502 crianças e adolescentes de 6 a 18 anos e oferece oficinas de letramento, direitos humanos, esporte, recreação, música, capoeira, dança e artes. Saiba mais sobre o projeto, clique aqui.

Clique na foto para acessar a galeria de imagens do projeto. Foto: Insigna Foto e Vídeo / Marcel Silva da Silva
Clique na imagem para acessar a galeria do Projeto Morro da Cruz para a Vida no Flickr. Foto: Insigna Foto e Vídeo/Marcel Silva da Silva.

 

Trajetória de seleção

Após o término da análise preliminar, quando se verifica a compatibilidade dos projetos inscritos com o regulamento do Prêmio, e da divisão por regional e por porte, cada projeto classificado foi analisado documentalmente em relação ao seu conteúdo por mais de um avaliador da Comissão de Seleção Regional, que definiu os 20 projetos semifinalistas desta regional.

Depois dessa seleção, todos os projetos semifinalistas passaram por uma avaliação dos Comitês Técnicos Regionais, que indicaram quais seriam os projetos vencedores regionais. Antes da premiação, porém, todos os projetos indicados receberam uma visita técnica com o objetivo de aprofundar a análise documental realizada e confirmar a indicação.

Premiação

Cada uma das organizações da sociedade civil (OSCs) e das escolas públicas parceiras responsáveis pelos quatro projetos vencedores desta regional receberá, como prêmio, o valor de R$ 25 mil. No caso das OSCs, o prêmio em dinheiro deverá ser destinado exclusivamente para a manutenção ou a ampliação do projeto, e, no caso das escolas, para o fortalecimento e a ampliação das ações de educação integral.

> Leia aqui o regulamento do Prêmio;

> Consulte o cronograma das próximas ações desta edição. 

 

Sobre o Prêmio

Com o tema Educação integral: aprendizagem que transforma, a 11ª edição do Prêmio Itaú-Unicef teve 1.947 projetos inscritos em todo o Brasil.

O Prêmio é uma iniciativa da Fundação Itaú Social e do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), com coordenação técnica do Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (Cenpec).

Foi criado em 1995 e, ao longo desses 20 anos, vem reconhecendo projetos socioeducativos que, articulados com escolas públicas, são voltados ao desenvolvimento integral de crianças, adolescentes e jovens.

Tagsmobilizacao, organização, OSC, parceria, premiação

Faça um comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Total de 0 comentário(s)