Notícias - João Marinho - Prêmio Itaú-Unicef

Regionais Ribeirão Preto e São Paulo selecionam projetos semifinalistas

Depois das Regionais BelémRecife, Curitiba e Goiânia, a etapa de seleção de semifinalistas do Prêmio Itaú-Unicef foi concluída no estado de São Paulo, que abrange as Regionais Ribeirão Preto, responsável por avaliar projetos do interior do Estado, e São Paulo, responsável pela Região Metropolitana e pelo litoral do Estado.

Confiabilidade e transparência

Nos dois encontros presenciais, compareceram 54 avaliadores, que analisaram e selecionaram 431 projetos. Os avaliadores desta etapa de seleção são indicados pelos parceiros e apoiadores do Prêmio Itaú-Unicef: União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), Colegiado Nacional de Gestores Municipais de Assistência Social (Congemas), Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) e pelo Canal Futura.

“Em Ribeirão Preto, foi significativa a indicação de profissionais que participaram na Regional pela primeira vez. Essa ampliação do número de profissionais envolvidos é importante porque possibilita ao Prêmio consolidar uma rede que mobiliza diferentes atores em prol da temática Educação integral: aprendizagem que transforma”, diz Nazira Arbache, coordenadora do Prêmio.

A equipe da plataforma Educação&Participação esteve presente na seleção de semifinalistas da Regional São Paulo e produziu um vídeo sobre o evento.

Com depoimentos de Nazira Arbache, Patricia Mota Guedes, gerente de Educação da Fundação Itaú Social, e das avaliadoras Isabel Cristina Dias de Moraes Cardoso, indicada pela Undime, e Camille Aguiar, da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social (Seds; antiga Secretaria Estadual de Assistência e Desenvolvimento Social – Seads), o vídeo aborda a confiabilidade do processo de avaliação do Prêmio Itaú-Unicef, a utilização de seus critérios em outras áreas do conhecimento, o enfoque na avaliação conjunta entre Educação e Assistência Social e algumas características dos projetos avaliados na Regional. Confira:

Saiba mais informações sobre as duas regionais:

Regional Ribeirão Preto
Encontro presencial 6 e 7 de agosto
Região interior do Estado de São Paulo
Total de avaliadores 28
Projetos 207

 

Regional São Paulo
Encontro presencial 11 e 12 de agosto
Região Grande São Paulo e litoral paulista
Total de avaliadores 26
Projetos 224

 

Entenda a seleção dos semifinalistas

A seleção dos projetos semifinalistas é processada por meio da análise documental; cada projeto é analisado por pelo menos dois avaliadores, sendo um representante da área de Educação e outro da área de Assistência Social, em regime paritário, indicados pelos parceiros do Prêmio Itaú-Unicef.

São selecionados até cinco projetos por porte – grande, médio, pequeno e micro –, em cada Regional, totalizando até 160 semifinalistas. As organizações e escolas públicas serão informadas a respeito de todos os resultados das diferentes etapas. Nesta edição, o Prêmio contou com inscrições de todos os estados brasileiros e do Distrito Federal.

 > Leia aqui o regulamento do Prêmio;
> Consulte o cronograma de trabalhos.

 

Sobre o Prêmio

Com o tema Educação integral: aprendizagem que transforma, a 11ª edição do Prêmio Itaú-Unicef teve 1.947 projetos inscritos em todo o Brasil.

O Prêmio é uma iniciativa da Fundação Itaú Social e do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), com coordenação técnica do Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (Cenpec).

Foi criado em 1995 e, ao longo desses 20 anos, vem reconhecendo projetos socioeducativos que, articulados com escolas públicas, são voltados ao desenvolvimento integral de crianças, adolescentes e jovens.

 

Tagsavaliação, premiação, semifinalistas

Faça um comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Total de 0 comentário(s)