Programa VAI seleciona projetos realizados por participantes do Jovens Urbanos

Demonstrar uma nova forma de expressão do jovem e dar visibilidade às manifestações artísticas realizadas na periferia de São Paulo. Esses são, respectivamente, os principais objetivos dos projetos “Nifu Nifa” e “Acorda Zé”, criados por participantes da 7ª Edição do Programa Jovens Urbanos e que, neste ano, foram selecionados pelo Programa para Valorização de Iniciativas Culturais (VAI) para terem suas ações incentivadas com recursos de até R$ 25.500

“Ainda que o projeto tenha passado por uma readequação para se adaptar às especificações do VAI, não podemos deixar de lado a importância do Programa Jovens Urbanos, tanto em sua criação, como também na perspectiva que temos da comunidade onde vivemos e de nós mesmos. É muito bom ver que depois de todo o processo que vivemos no Jovens Urbanos, conseguimos ir adiante e fomos selecionados pelo VAI”, explica Jonathan Sousa Rocha, um dos jovens criadores do Acorda Zé, selecionado pelo VAI.

Participantes do Nifu Nifa, outro projeto selecionado  pelo VAI e que incentiva o interesse dos jovens  pelo jornalismo
Participantes do Nifu Nifa, outro projeto selecionado
pelo VAI e que incentiva o interesse dos jovens
pelo jornalismo

 

O feito conquistado pelos jovens é o objetivo de muitos outros da cidade de São Paulo que, anualmente, inscrevem seus projetos.  Criado pela lei 13540 e regulamentado pelo decreto 43823/2003, o VAI é desenvolvido desde 2004 com a finalidade de apoiar financeiramente atividades artístico-culturais, principalmente àquelas promovidas por jovens de baixa renda e moradores de regiões do município desprovidas de recursos e equipamentos culturais. Neste ano, o programa selecionou 177 projetos.

“Nós já tínhamos a vontade de fazer esse projeto de qualquer forma, mesmo sem o VAI. O incentivo seria uma oportunidade para conseguirmos bons equipamentos”, explica Eduardo Cavalcanti Carvalho, um dos realizadores do projeto Nifu Nifa, que participou da 7ª Edição do Jovens Urbanos pela ONG Espaço Aberto, na Cidade Ademar.


Nifu Nifa
“O projeto se chama Nifu Nifa, que é um grito de democracia na Espanha. Quando eles se revoltam com o governo, eles escrevem Nifu Nifa, que significa tanto faz – não quero nem esse governo, nem o antigo, eu quero um novo governo”, assim descreve Eduardo ao explicar a origem do nome do projeto.

O projeto consiste na realização de programas jornalísticos gravados em vídeos e publicados na web, no Youtube. “Nosso objetivo é dar um tom de comédia nos programas, para incentivar o interesse dos jovens pelo jornalismo”, explica.  O grupo prevê também a criação de uma página no Facebook para veicular sua produção na rede social.

 

 

Faça um comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Total de 0 comentário(s)