Implementação da política de educação Integral – Escola Integral Mogi Mirim 2015

Esta publicação relata o trabalho de assessoria ao município de Mogi Mirim (SP) realizado pela Fundação Itaú Social e o Cenpec, entre os anos de 2014 e 2015, com o objetivo de contribuir para a elaboração e implementação de uma política municipal de Educação Integral.

Mogi Mirim já desenvolvia experiências de jornada ampliada, e para isso contava com o apoio de organizações sociais locais que atendiam crianças e adolescentes no horário alternativo ao da escola. Foi uma dessas organizações, a Instituição de Incentivo à Criança e ao Adolescente de Mogi Mirim (ICA), finalista do Prêmio Itaú Unicef, que estimulou a parceria entre a gestão municipal, a Fundação Itaú Social e o Cenpec para viabilizar a ampliação das ações de Educação Integral na cidade.

O trabalho realizado ao longo dos dois anos contemplou a construção de um Plano de Educação Integral, durante o ano de 2014, e em 2015 a constituição de mecanismos que fortaleceriam a gestão da política de Educação Integral durante o processo de implementação, incluindo a formação de educadores da rede municipal e de organizações sociais.

Essa formação ocorreu em oito encontros de 64 horas para 50 gestores e 150 educadores, separadamente. É esse percurso que será apresentado aqui, assim como seus resultados.

Pretende-se demonstrar como os princípios da Educação Integral podem ser incorporados no cotidiano, ampliando as possibilidades de aprendizagem de crianças e adolescentes. Com isso, esta publicação resguarda e publiciza a memória de um processo importante para o município, ao mesmo tempo que busca inspirar a continuidade das ações em Mogi Mirim.

Para baixar a publicação, você deve fazer seu cadastro ou login na plataforma, clique aqui!
Tagseducação integral, mogi mirim, plano de educação integral, política de educação integral, política pública, políticas públicas

Faça um comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Total de 0 comentário(s)